terça-feira, 31 de maio de 2016

DESEMPREGO SEGUE ACELERADO E PODE CRESCER MAIS | DENISE CAMPOS DE TOLEDO | JOVEM PAN - MAIO DE 2016



A face mais grave da recessão é o desemprego, que no caso do Brasil não para de crescer. Mesmo que medidas comecem a ser tomadas para a busca do equilíbrio na economia, o mercado de trabalho é o último a reagir. Confira a análise da Denise Campos de Toledo.



MARCADORES: ECONOMIA, GOVERNO MICHAEL TEMER, AUMENTO DO DESEMPREGO, RECESSÃO, POBREZA EM, MISÉRIA EM, PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETE-BARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, CONSEQUÊNCIAS DA INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO DILMA

DENISE CAMPOS DE TOLEDO / O GRANDE DESAFIO É REEQUILIBRAR AS CONTAS PÚBLICAS - MAIO DE 2016



Tem recessão, inflação alta, juros, desemprego, mas o maior desafio do governo vai ser o reequilíbrio das finanças. Aliás, não exatamente reequilíbrio, porque não dá pra reverter um déficit previsto, este ano, em 170 bilhões e meio de reais. Mas dá pra criar a expectativa de que, em algum momento, as contas possam ficar no azul. Isso até aconteceu em abril. O governo central teve um saldo de mais de 9 bilhões e 700 milhões de reais. Mas abril sempre é um mês melhor, porque entra Imposto de Renda, especialmente das empresas. Só que foi o pior abril desde 2013. E o pior primeiro quadrimestre em 20 anos. O governo aposta muito nas medidas que já anunciou, especialmente a que limita o aumento das despesas à inflação do ano anterior. Resta ver se vai ser implementada da forma prevista. Líderes partidários já estão pedindo pra que seja amenizada, pra não afetar muito gastos prioritários, como saúde e educação.Isso vai gerar muita chiadeira, apesar de sempre ser possível buscar mais eficiência mesmo com menos recursos. Há muito problema de gestão, desvios, ineficiências. Mesmo assim não vai ser uma medida fácil de passar. E tem o calendário. As discussões da medida, que exige aprovação por dois terços, vão coincidir com um período de festas juninas, que esvaziam bastante as sessões, por mais absurdo que isso pareça, vai ter a Olimpíada e as eleições municípais. Eleições que, além de mexerem com o calendário, influenciam as votações porque os congressistas não querem desagradar eleitores, prejudicar candidatos que apóiam. O mesmo pode acontecer com a Previdência. Até por essas dificuldades, mas não só por isso, são esperadas outras medidas que possam dar algum resultado em prazo mais curto, pra ajudar a reduzir o rombo fiscal. Pode vir alguma receita de concessões e privatizações, se o governo avançar mesmo por aí, cortes mais imediatos de gastos e até um aumento de impostos, que Meirelles, mais uma vez, não descartou. Só observou que, se vier, será temporário. O certo é que não basta boa intenção. Se o governo não mostrar algum resultado do lado fiscal, fica mais difícil melhorar o desempenho da economia e até a confiança, pra retomada dos investimentos, do consumo. O próprio Meirelles ressaltou que a aprovação das medidas deve ajudar no corte dos juros. Por aí fica evidente o quanto que as contas no vermelho atrapalham a economia, desde a inflação e os juros, até os investimentos e a capacidade de crescimento e combate ao desemprego. O grande desafio é mesmo fazer as contas entrarem numa trajetória menos ruim, ainda que a reversão do déficit possa levar vários anos. Eu volto na quinta. Até lá.


MARCADORES: BRASIL, BRASILEIROS, RECUPERAÇÃO DA ECONOMIA BRASILEIRA, INFLAÇÃO, RECESSÃO, CONTAS PÚBLICAS, DESAFIOS DO GOVERNO MICHAEL TEMER


ETEC DE PERUÍBE REALIZARÁ TRÊS NOVOS CONCURSOS PÚBLICOS - MAIO DE 2016





A Escola Técnica Estadual / ETC de Peruíbe anunciou a realização de três novos concursos públicos.

Para informações, visitem o link abaixo:

ETEC PERUÍBE CONCURSOS PÚBLICOS


MARCADORES: PERUÍBE, PRUIBENSE, CONCURSOS PÚBLICOS 2016 , ETEC

segunda-feira, 30 de maio de 2016

sábado, 28 de maio de 2016

CÂMARA DE MONGAGUÁ, SP, ABRE CONCURSO PARA 13 CARGOS - MAIO DE 2016




Inscrições começaram nesta quinta-feira e seguem até o dia 12 de junho. Provas objetivas serão realizadas no dia 19 de junho.


Do G1 Santos

A Câmara de Mongaguá, no litoral de São Paulo, abriu inscrições para um concurso público nesta quinta-feira (26). O processo seletivo é para o preenchimento de 13 vagas e cargos para cadastro de reserva.

De acordo com a Câmara de Mongaguá, há vagas para agentes de segurança, encarregado de segurança, recepcionista, técnico em contabilidade, auxiliar administrativo e técnico de secretaria. Os salários variam de R$ 1.261,23 a R$ 1.868,89. As provas objetivas serão realizadas no dia 19 de junho de 2016 em horários e locais a serem divulgados.

As inscrições começaram nesta quinta-feira e seguem até o dia 12 de junho. Os interessados podem se inscrever pelo site oficial do concurso, onde também pode ser encontrado o edital do processo.

Confira as funções, o número de vagas e o salário: 


Agentes de Segurança do Legislativo - 3 vagas - R$ 1.261,23 
Encarregado de Segurança - 1 vaga - R$ 1.868,89 Recepcionista - 1 vaga - R$ 1.261,23 
Técnico em Contabilidade - 1 vaga - R$ 1.866,89 Auxiliar Administrativo - 3 - R$ 1.261,23 
Técnico de Secretaria - 4 - R$ 1.866,89


FONTE: G1 SANTOS E REGIÃO



MARCADORES: MONGAGUÁ, MONGAGUAENSE, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, PERUÍBE, PERUIBENSE, CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL, CÂMARA DE VEREADORES, FUNCIONÁRIO PÚBLICO, EMPREGO, OPORTUNIDADE


VINICIUS TORRES FREIRE / SINAIS DE MELHORA DA CONFIANÇA ECONÔMICA - MAIO DE 2016



A situação do emprego é triste, a pobreza cresce, mas no mês de maio os brasileiros ficaram um pouco mais otimistas quanto ao futuro da economia. Isso tem importância para a economia real. Pessoas com medo do futuro não gastam, não fazem crediário. A melhoria começou devagarinho, quase imperceptível, na virada do ano. Em maio, as pesquisas que medem a confiança de consumidores e empresários deram um salto maior.

Segundo as instituições que fazem esses levantamentos, o motivo foi o afastamento de Dilma Rousseff. A mudança de governo, apoiada pela maioria dos brasileiros, deu alguma esperança de que o pior pode ficar para trás. O Índice de Confiança do Comércio da FGV subiu para o melhor nível desde junho de 2015. A expectativa quanto ao futuro não é pessimista pela primeira vez desde dezembro de 2013, segundo o Índice de Confiança do Consumidor da FGV. O Índice de Confiança do Empresário Industrial, da CNI, não estava tão alto desde o início de 2015.

Além do mais, as previsões econômicas eram de que, pelo menos, a economia pararia de piorar no segundo semestre. Ficaria no buraco, mas não cavaria um fosso ainda mais fundo. O ânimo dos brasileiros vai durar? Depende.

A gente vai ver na quarta-feira que a atividade econômica, o PIB, continua afundando. O desemprego ainda vai aumentar. Mesmo quando a economia em geral passa a melhorar, o desemprego só melhora depois. O crédito nos bancos e a renda do trabalho continuam a cair de modo muito feio. Então, de onde pode vir alguma melhoria que possa sustentar o aumento do ânimo dos brasileiros?

O programa econômico do novo governo não pode desandar e vai ser aprovado no Congresso _com a bagunça política e os escândalos, isso não é garantido. O governo também tem de ser capaz de destravar investimentos das empresas e permitir uma baixa rápida dos juros. Assim, em algum canto, a economia passa a melhorar de novo, melhora que se espalharia devagarinho pelo resto do país.É muito pouco. Mas é pelo menos alguma esperança.

MARCADORES: ECONOMIA, MELHORA DA CONFIANÇA ECONÔMICA, GOVERNO MICHAEL TEMER, AUMENTO DO DESEMPREGO, RECESSÃO, POBREZA EM, MISÉRIA EM, PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETE-BARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, CONSEQUÊNCIAS DA INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO DILMA

quinta-feira, 26 de maio de 2016

EM ABRIL, MAIS POSTOS DE TRABALHO FORMAL FORAM ENCERRADOS EM PERUÍBE - MAIO DE 2016

BS FECHA 1.035 POSTOS, MAS RESULTADO É MELHOR QUE EM 2015  

Em abril do ano passado, número de desligamentos na Baixada Santista chegou a 1.786 postos com carteira assinada


CAROLINA IGLESIAS

Assim como no restante do País, o número de demissões na Baixada Santista, em abril, foi maior do que o número de contratações. No entanto, o resultado, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), é melhor do que o verificado no mesmo mês do ano passado.

Em abril deste ano, a região fechou 1.035 postos de emprego formal, enquanto no mesmo período em 2015, foram encerradas 1.786 vagas com carteira assinada.

Na Baixada Santista, somente duas cidades registraram um número de contratações superior ao de desligamento. É o caso de Itanhaém (255 vagas) e Praia Grande (67). No ano passado a situação nos dois municípios era diferente. Em Itanhaém, em abril de 2015, haviam sido fechados 80 postos. Já em Praia Grande, o mês havia sido encerrado com mais 138 trabalhadores desempregados.

Em toda a região, o pior resultado foi registrado em Santos. No município o número de postos fechados chega a 653. De acordo com os dados do Caged, os setores que mais demitiram na Cidade foram serviços e comércio, que ainda é o que mais demite no País em meio à crise econômica e ao fechamento de lojas.

Mas, apesar do resultado ruim, o número de desligamentos ainda foi menor do que o registrado pelo Município no mesmo período, no ano passado, quando a diferença entre contratações e demissões foi de -761 postos de trabalho.

O mesmo cenário é observado também em São Vicente, que registrou a perda de 205 postos de trabalho. No ano passado, a Cidade havia contabilizado em abril 332 desligamentos.

Cenário brasileiro

No Brasil foram encerrados 62.844 postos de emprego formal. O resultado para o mês ficou dentro das previsões de analistas do mercado financeiro. As expectativas de 22 instituições variavam de um corte entre 2 mil e 149,4 mil postos com carteira assinada. Com base neste intervalo de estimativas, a mediana era de fechamento de 51.500 vagas, sem ajuste sazonal.



FONTE: A TRIBUNA


COMENTÁRIO: em Peruíbe, ocorreram no mês de abril 192 admissões e 248 demissões, o que resultou em um saldo negativo de -56 postos de trabalho formais. 

Aliás, de acordo com o Caged, de dezembro de 2015 até abril deste ano, o dados sobre emprego formal nesta cidade são os seguintes:


ADMISSÕES:  1.236
DEMISSÕES:  1.353
SALDO:               -117

A recessão nacional também nos atinge severamente. Fiz comparação com o mesmo período, o de dezembro de 2014 até abril de 2015, e o resultado foi BEM DIFERENTE:


ADMISSÕES:  1.579
DEMISSÕES:  1.448
SALDO:                131

Ou seja, 131 novas vagas de trabalho criadas naquela época, enquanto agora temos MENOS 117 EMPREGOS FORMAIS A MENOS. Pois é.



E enquanto a banda toca, Perubanic, digo, Peruíbe segue rumo a um futuro de incertezas ... como eu sou otimista!

VISITE O SITE DO CAGED




MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, VAGAS DE EMPREGO, DESEMPREGO, MIGRAÇÃO, TRABALHO, ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2016

quarta-feira, 25 de maio de 2016

(FUTURA EX-) PRESIDENTE DILMA E O ROMBO ORÇAMENTÁRIO DE 170 BILHÕES: ALGUNS VÍDEOS QUE EXPLICAM ESSA HERANÇA MALDITA - MAIO DE 2016



Pois é. O governo do presidente (de fato) em exercício, Michael Temer, anunciou um rombo orçamentário de 170 BILHÕES DE REAIS nas contas públicas, ou seja, uma catastrófica HERANÇA MALDITA do governo da "presidenta" Dilma, que será paga por todos nós, através de impostos, baixos salários, altos índices de desemprego e recessão. É preciso escancarar essa realidade para jogar na lata de lixo da história, a tentativa já tosca da petezada de que ocorreu um "golpe" neste país. Se a Dilma não tivesse saído, o Brasil logo se tornaria uma GRÉCIA CONTINENTAL.











PÁGINA NO FACEBOOK PERUÍBE EM TREVAS

MARCADORES: ECONOMIA, AUMENTO DOS IMPOSTOS, GOVERNO MICHAEL TEMER, ROMBO ORÇAMENTÁRIO DE R$ 170 BILHÕES, HERANÇA MALDITA DO GOVERNO DILMA / PT, JORNAL, JORNAIS, TV, EMISSORAS DE RÁDIO EM, ELEIÇÕES MUNICIPAIS EM, CANDIDATOS PARA PREFEITO EM, PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETE-BARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, CONSEQUÊNCIAS DA INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO DILMA, ALGUM PETISTA PARA DEFENDER A "PRESIDENTA"?

terça-feira, 24 de maio de 2016

MADRUGADA DE TERÇA (NOITE DE 23 PARA 24 DE MAIO) REGISTRA A MENOR TEMPERATURA DO ANO EM PERUÍBE - MAIO DE 2016




Uma intensa dose de ar polar, trazida pela frente fria que atua no Estado desde a madrugada de segunda-feira (23), trouxe um frio severo. A madrugada desta terça-feira (24) registrou a temperatura mais baixa do ano até o momento em Peruíbe. Ficou em 11 ºC, a mais baixa registrada até o momento neste outono.

Se preparem, peruibenses, pois o inverno está chegando!!!


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, FRIO, OUTONO DE 2016, O INVERNO ESTÁ CHEGANDO

segunda-feira, 23 de maio de 2016

PAT DE PERUÍBE DISPONIBILIZA 54 VAGAS DE EMPREGO; CONFIRA LISTA - MAIO DE 2016


Após o café com pão, vá atrás da sua vaga


Candidatos devem se inscrever pessoalmente no PAT da cidade. Atendimento é de segunda a quinta-feira, das 8h às 16h.

Do G1 Santos

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Peruíbe, no litoral de São Paulo, divulgou uma lista com 54 vagas de emprego disponíveis na cidade para diversos níveis de escolaridade. Há oportunidades para terapeuta ocupacional e fonoaudiólogo, entre outras funções. Os candidatos interessados em participar do processo de seleção devem se inscrever pessoalmente no PAT da cidade, que fica na Rua da Estação, 50, ao lado da Estação Ferroviária.

Quem já possui cadastro não precisa repetir o procedimento. O posto funciona de segunda a quinta-feira, das 8h às 16h. Os candidatos que atenderem ao perfil procurado para cada ocupação serão encaminhados para as entrevistas de emprego.

O interessado deve levar RG, CPF, carteira de trabalho e PIS, acompanhados de cópias. A inscrição no programa é gratuita.

Confira a relação de vagas: 


Acompanhante de idosos – 1 
Alinhador de rodas – 1 
Açougueiro – 1 
Biomédico – 1 
Cabeleireiro – 1 
Confeiteiro – 1 
Corretor de imóveis – 1 
Costureira – Cadastro reserva 
Cozinheiro geral – 2 
Doméstica – 1 
Fonoaudiólogo – 10 
Mecânico socorrista – 1 
Nutricionista – 1 
Operador em enceradeira – 1 
Pizzaiolo – 2 
Professor de musculação – 1 
Professor graduado em letras – 1 
Representante comercial – 3 
Salgadeiro – 2 
Terapeuta ocupacional – 10 
Técnico de enfermagem – 10 
Vendedor externo – 1 
Vendedor externo – 1 
Vendedor porta a porta – Cadastro reserva


FONTE: G1 SANTOS E REGIÃO


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, VAGAS DE EMPREGO, PAT / POSTO DE ATENDIMENTO AO TRABALHADOR

domingo, 22 de maio de 2016

ARTIGO ANTIGO MAS INCRIVELMENTE ATUAL (EMPREGOS EM PERUÍBE) - MAIO DE 2016




O artigo abaixo foi publicado em 19 de fevereiro de 2013, final do carnaval daquele ano.


A TEMPORADA DE VERÃO 2012/2013 TERMINOU EM PERUÍBE. E AGORA?


"Esta semana é bem diferente da passada, pois pode se dizer que a temporada de verão acabou. Esse período, que vai da véspera do natal ao final do carnaval se encerrou. O número de desempregados voltará a ser elevado, sendo que muitos correrão o risco de, quanto mais demorarem para arrumar novas ocupações, mais rápido caminharão para a miséria. Escrevo sobre gente que ficou "numa boa" por apenas uns dois ou três meses. Homens e mulheres nascidos na cidade ou que cresceram aqui, na sua maioria entre os vinte e os cinquenta anos, muitos com filhos pequenos, muitas contas para pagar, e cujas perspectivas de retorno ao mercado de trabalho fora da temporada serão escassas. Pessoas que cedo ou tarde precisarão trabalhar ganhando bem menos do que o necessário, se tiverem tal sorte, para não serem chamadas de vagabundas. Gente que precisará se ajustar a ociosidade - o que não significa aceitá-la - e a partir daí buscar um novo rumo.

Muitos jovens universitários só poderão iniciar suas carreiras profissionais lá fora. Aquela que é sem dúvida a mais bem qualificada geração peruibense (nunca teve tanto morador daqui em cursos de ensino superior e de nível técnico) tende a partir em massa, para não se sentir inútil, dispensável e parte de um grupo de gente que não se encaixa, forçada a ficar à margem, embora com melhor instrução. Essa migração só tende a contribuir para uma "desertificação de ideias" nesta cidade, podendo até mesmo estagnar o crescimento demográfico.

O que eu não entendo nesta cidade é a dificuldade em se aceitar o fato de que o grande problema de Peruíbe não é o SUS local com as suas conhecidas deficiências, mas o desemprego de longa duração ao qual toda uma massa de trabalhadores tende a ficar novamente submetida, agora que os turistas se foram. Para piorar, neste ano não falta por aí muito peruibense jovem deixando a adolescência, e que como adulto, corre o risco de demorar um bocado de tempo para ter a experiencia de um emprego, uma carreira, uma vida profissional, enfim, essas coisas normais que fazem (eu acho que fazem) parte da vida de qualquer ser humano capaz de trabalhar. Essa mão-de-obra farta e subaproveitada tende a ser muito barata para possíveis empregadores, o que (como já disse em outras postagens), contribui para os baixos níveis salariais locais.

Como consequência disso tudo, é apenas normal que qualquer descontente revoltado troque um trabalho precário e bem pouco rentável por uma passagem de ônibus em algum veículo da Breda, Intersul ou Catarinense e simplesmente saia daqui."







Sou dono do grupo EMPREGOS EM PERUÍBE / PERUBA CITY, e estou impressionado com a quantidade de novas adesões por semana. É uma situação sintomática, de como a recessão brasileira afeta esta cidade, que tradicionalmente possui índices altos de desemprego. Infelizmente, essa é uma tendência histórica que tende a prosseguir indefinidamente. Ou o futuro governo municipal que surgir em 2017 busca diversificar a economia, reduzindo a dependência do turismo de verão, ou este lugar estagnará ainda mais. Simples assim.


POSTAGEM RECOMENDADA: "NÃO MIGRE DE PERUÍBE SE NÃO TIVER UMA OPORTUNIDADE CONCRETA", POSTAGEM ANTIGA E BEM ATUAL 


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, PERUIBENSES, GRUPO NO FACEBOOK, PERUBA CITY, EMPREGO, DESEMPREGO, ECONOMIA, TURISMO DE VERÃO, ELEIÇÕES MUNICIPAIS DE 2016, AGRICULTURA, PESCA, INDÚSTRIAS

COMO AJUSTAR A ECONOMIA SEM AUMENTAR IMPOSTOS / ADOLFO SACHSIDA - MAIO DE 2016



MARCADORES: ECONOMIA, AUMENTO DOS IMPOSTOS, GOVERNO MICHAEL TEMER, MINISTÉRIO DA CULTURA, PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETE-BARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, CONSEQUÊNCIAS DA INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO DILMA

quinta-feira, 19 de maio de 2016

OUTONO, NOITE DE 19 DE MAIO DE 2016: 14° GRAUS. PERUIBENSES, O INVERNO ESTÁ CHEGANDO!




Nesta noite de 19 de maio, a temperatura está em 14° graus. Lá fora, um pouco de garoa e muito frio. Atenção, peruibenses: O INVERNO ESTÁ CHEGANDO!


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, OUTONO DE 2016, MUITO FRIO, INVERNO DE 2016 ESTÁ CHEGANDO

MESMO COM AJUSTES, DESEMPREGO DEVE CRESCER | DENISE CAMPOS DE TOLEDO | JOVEM PAN - MAIO DE 2016




O IBGE apontou que o desemprego continua em níveis elevados e a tendência é de aumentar. Isso porque as empresas e o mercado de trabalho são os últimos a reagir durante uma crise, mesmo diante de um panorama promissor para a economia. 


POSTAGEM RECOMENDADA:O DESEMPREGO - POÉTICO, TRISTE E DESESPERADOR


MARCADORES: IBGE, ELEVADO NÍVEL DE DESEMPREGO, TENDÊNCIA A AUMENTO, MERCADO DE TRABALHO, JOVEM EM BUSCA DE TRABALHO / EMPREGO, DESEMPREGO, ESTÁGIO, ESTAGIÁRIO, VAGAS DE TRABALHO EM, PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETE-BARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, UM DOS RESULTADOS DA INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO DILMA

quarta-feira, 18 de maio de 2016

MEIA NOITE, 19 DE MAIO DE 2016, SÃO EXATAMENTE 13° EM PERUÍBE.



Nesta noite, primeira hora do dia 19 de maio, a temperatura está em 13°. Lá fora, tem início uma garoa gelada, que caracteriza essa fase do outono que ainda tem um mês pela frente. Sigo registrando as noites mais frias, e a avisando: o inverno está chegando, o qual mudará de forma significativa esta cidade. Vai ser interessante (entendam como quiserem).





MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, OUTONO DE 2016, FRIO, CHUVA FRIA, MADRUGADA GELADA, A QUANTOS GRAUS A TEMPERATURA CAIRÁ NO INVERNO EM PERUÍBE?

terça-feira, 17 de maio de 2016

PERUÍBE CANCELA PROVA DE CONCURSO PARA PROCURADOR - MAIO DE 2016





Edital de anulação foi divulgado nesta terça. A suspensão do exame, realizado no último dia 8, também foi solicitada pela OAB

VICTOR MIRANDA 



A Prefeitura de Peruíbe cancelou a prova do concurso para procurador do Município, realizada no dia 8. Por problemas na realização do processo, incluindo uma orientação formal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) pedindo a suspensão do processo, a prefeita Ana Preto (PTB) divulgou nesta terça-feira (17) um edital de anulação das provas.

“Foram observadas diversas irregularidades que colocaram a legitimidade do concurso em dúvida. Tinha até gente com celular ligado na sala da prova”, comenta Sérgio Guerreiro, presidente da OAB de Peruíbe. Segundo ele, pela lei orgânica do Município, a Ordem deve ser convidada para acompanhar certames para procurador desde o princípio, o que não ocorreu. “Quando a OAB foi chamada, a empresa já havia sido contratada. Faltou transparência”, diz.

Há outras questões no processo. No concurso de procurador, os candidatos preencheram dois envelopes que foram lacrados. Estava previsto para às 14 horas desta terça, a abertura do primeiro envelope, com as respostas dos candidatos. O segundo só seria aberto em caso de dúvidas. No entanto, uma cópia com os possíveis aprovados foi entregue ao Ministério Público Estadual (MPE), antes mesmo da abertura como denúncia. O órgão já investiga o caso.

Assim, diante das denúncias e das irregularidades observadas, a OAB fez o pedido de cancelamento da prova. Nesta terça, antes mesmo da abertura dos envelopes, a Prefeitura já havia afixado o edital de suspensão. Conforme o texto do documento, caberá ao Instituto Moura Melo Concursos, responsável pelo certame, arcar com todos os prejuízos. A OAB, porém, deve pedir que a empresa seja afastada do processo. A Prefeitura informou que deve se manifestar sobre o caso hoje. Já a Moura Melo não foi retornou os contatos.

Problemas

Essa é mais uma prova do Concurso Público 01/2016 suspensa. No último dia 9, a Prefeitura já havia cancelado os exames feitos por 558 candidatos aos cargos de auxiliar de saúde bucal, mecânico, agente operacional e professor PEB II-Arte, PEB II-DM, PEB II-DV. Na ocasião, candidatos reclamaram de que o gabarito oficial a ser preenchido tinha número de alternativas inferior ao que constava nas provas. As provas suspensas foram remarcadas para o dia 22.

No caso do concurso para procurador, foram 583 candidatos inscritos para as quatro vagas disponíveis, que oferecem salários de R$ 5.206,27. Segundo o novo edital assinado pela prefeita, as novas provas para procurador acontecerão no dia 5 de junho. Quanto aos gabaritos que seriam abertos, em dois envelopes, a ordem de Ana Preto foi para que todos fossem incinerados imediatamente.



FONTE: A TRIBUNA


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL 2016, CANCELAMENTO DE PROVA

DENISE CAMPOS DE TOLEDO / JÁ SE VÊ UMA PERSPECTIVA MELHOR PARA A ECONOMIA - MAIO DE 2016



Henrique Meirelles está sondando o terreno para saber exatamente com que situação terá de lidar e até onde pode ir com as medidas de correção. Já avisou que não quer anunciar medidas, e depois ter de voltar atrás. Mas ao anunciar determinadas diretrizes da política que pretende implementar já consegue sentir a reação que deve provocar, como nas discussões para a reforma da Previdência. A maior resistência vem das centrais sindicais e foi com elas que ele e o presidente Temer conversaram hoje. O Ministério, por mais que receba críticas, por incluir investigados, pessoas que foram até contra o impeachment, pode dar respaldo político pra medidas mais polêmicas. Entre elas não se descarta a volta da CPMF e o corte de despesas obrigatórias. Sem o Congresso nada avança. Mas tem que mostrar que está trabalhando, mesmo, para um gerenciamento mais eficiente das contas públicas, com ênfase na redução de gastos. O governo tem que fazer a parte dele, antes de cobrar mais da sociedade. Pra isso, quer saber, com mais exatidão, o tamanho do rombo. Que a situação é muito ruim, todos sabemos. O governo anterior já tinha avisado que teria um déficit das contas, este ano, da ordem de 97 bilhões de reais. Os primeiros indícios apontam para 120 até 200 bilhões. Apenas uma auditoria mais ampla nos bancos e empresas estatais, fundos e programas é que vai mostrar dados mais efetivos. E a equipe da Fazenda, que deve fazer isso, nem está formada. A divulgação da equipe foi adiada para amanhã. Mas não dá pra demorar muito não. Nesta semana, ainda, o Congresso tem de aprovar a revisão da meta fiscal, ampliando a previsão de déficit, pra que o governo não tenha de interromper a liberação até de verbas de custeio. Precisa ter aval pra cumprir os compromissos. Agora, por mais que melhore a contabilidade pública, não vai conseguir tirar as contas do vermelho, nem neste nem no próximo ano. O que pode é sinalizar, de forma consistente, que a situação vai melhorar a médio e longo prazo. É o que vai garantir maior confiança e apoio para as mudanças. O mesmo vale para o desempenho da economia, em geral. Por mais que se tente estimular a atividade, a recessão este ano ainda vai ser pesada, com mais desemprego e inflação elevada. Mas, se acertarem a mão, as coisas podem começar a melhorar no final do ano e, principalmente, em 2017. Pelo menos, agora, podemos falar em uma perspectiva melhor para a economia. Já é um avanço. Eu volto na quinta. Até lá.


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETEBARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, GOVERNO MICHAEL TEMER, ECONOMIA, MINISTÉRIOS, NOVOS MINISTROS, EQUIPE ECONÔMICA


TICO SANTA CRUZ VERSUS CARIOCA NO PROGRAMA PÂNICO: ADIVINHEM QUEM GANHOU O CONFRONTO? - MAIO DE 2016



Os meses e até anos se passarão, e sempre terá alguém disposto a dizer que a (futura ex-) presidente afastada Dilma sofreu um "golpe", algo normal numa sociedade com alto grau de doutrinação marxista cultural. Legal quando caras como o Ceará transformam o discurso vitimista pró-dilmista em mingau de maisena, simplesmente recorrendo aos fatos: demolição da economia brasileira, pedaladas fiscais e diversas denuncias de corrupção.

Cabe a nós impedir que os esquerdistas inconformados tentem reescrever a história recente. Quando tiver a oportunidade, jogue os fatos na cara de quem se recusa a vê-los. Não permita que distorçam a realidade.



MARCADORES: JUVENTUDE, JOVENS DE, PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETEBARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, CONGRESSO NACIONAL, SENADO FEDERAL, PEDALADAS FISCAIS, CANTOR TICO SANTA CRUZ, HUMORISTA CEARÁ, PROGRAMA PÂNICO NO RÁDIO, DISCURSO ESQUERDISTA, PT FORA DO PODER, MÍDIA, JORNALISMO

segunda-feira, 16 de maio de 2016

APÓS PAGAMENTO DE SALÁRIOS, TERMINA GREVE DO TRANPORTE COLETIVO EM PERUÍBE - MAIO DE 2016





A empresa opera com 13 ônibus urbanos, oito escolares, dois para universitários que estudam em Santos e três vans

DE A TRIBUNA ON-LINE

Após o pagamento dos salários, a greve no transporte público de Peruíbe, no Litoral Sul, terminou nesta segunda-feira (16). Pela manhã, uma reunião no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) reuniu representantes dos funcionários e diretores da empresa, que se comprometeram a evitar punições e garantiram estabilidade nos cargos por 90 dias.

Na quarta-feira (11), metade dos trabalhadores teve que retornar ao trabalho, por determinação de liminar concedida à empresa na terça (10). O vice-presidente do sindicato dos trabalhadores em transportes rodoviários de Santos e região, José Alberto Torres Simões ‘Betinho’, considera a greve bem sucedida.

"O pessoal está com estabilidade no emprego por três meses. Preferível seria, entretanto, que não houvesse o atraso”, afirmou. A empresa opera com 13 ônibus urbanos, oito escolares, dois para universitários que estudam em Santos e três vans. Os motoristas recebem R$ 1.370. Os cobradores e demais empregados, R$ 900. A passagem custa R$ 2,50. 



FONTE: A TRIBUNA



MARCADORES: FIM DA GREVE, MOTORISTAS, FUNCIONÁRIOS, PERUÍBE, PERUIBENSE

domingo, 15 de maio de 2016

DICAS DE COMO CONSEGUIR UM NOVO EMPREGO - MAIO DE 2016



MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, COMO ELABORAR UM CURRÍCULO, COM SE COMPORTAR EM UMA ENTREVISTA DE EMPREGO, VAGAS DE TRABALHO, CARREIRA, EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

sábado, 14 de maio de 2016

O PROCURADOR DO TCU JÚLIO MARCELO DE OLIVEIRA, E A REALIDADE (PARA USAR CONTRA FALÁCIAS ESQUERDISTAS NO FACEBOOK) - MAIO DE 2016



O esquerdista inconformado está te cansando a paciência no FACEBOOK? Te enchendo com aquele papo furado sobre "golpe", que a Dilma "sofreu um golpe"? O vídeo acima é ótimo para rebater a falácia do "golpe". A melhor estratégia se baseia no uso dos fatos, bem narrados pelo procurador do TCU, senhor Júlio Marcelo de Oliveira, na comissão do impeachment da (futura ex-)presidente dilma no Senado.

Ah, não é o suficiente? Veja o próximo vídeo:




MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETEBARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, CONGRESSO NACIONAL, SENADO FEDERAL, TCU / TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO, PROCURADOR JÚLIO MARCELO DE OLIVEIRA, COMISSÃO DE IMPEACHMENT DA DILMA, PT FORA DO PODER

sexta-feira, 13 de maio de 2016

PAT DE PERUÍBE DIVULGA LISTA COM 51 NOVAS VAGAS DE EMPREGO; CONFIRA - 13 DE MAIO DE 2016



Um café antes de ir em busca da vaga

Candidatos devem se inscrever pessoalmente no PAT da cidade.
Atendimento é de segunda a quinta-feira, das 8h às 16h.

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Peruíbe, no litoral de São Paulo, divulgou uma lista com 51 vagas de emprego disponíveis na cidade para diversos níveis de escolaridade. As oportunidades para fonoaudiólogo e técnico de enfermagem são destaques.

Os candidatos interessados em participar do processo de seleção devem se inscrever pessoalmente no PAT da cidade, que fica na Rua da Estação, 50, ao lado da Estação Ferroviária.

O posto funciona de segunda a quinta-feira, das 8h às 16h. Os candidatos que atenderem ao perfil procurado para cada ocupação serão encaminhados para as entrevistas de emprego.

O interessado deve levar RG, CPF, carteira de trabalho e PIS. A inscrição no programa é gratuita. Os candidatos que já tiverem cadastro não precisam repetir o procedimento.

Confira a relação de vagas: 

Técnico de enfermagem - 10 
Fonoaudiólogo - 10 
Terapeuta ocupacional - 10
 Vendedor porta a porta - cadastro reserva 
Professor de musculação - 1 
Açougueiro - 1 
Cozinheiro geral - 1 
Cabeleireiro - 1 
Vendedor externo - 1 
Confeiteiro - 1 
Corretor de imóveis - 1 
Costureira - cadastro reserva 
Salgadeiro - 1 
Mecânico socorrista - 1 
Doméstica - 1 Pizzaiolo - 2 
Alinhador de rodas - 1 
Nutricionista - 1 
Operador em enceradeira - 1 
Biomédico - 1 
Professor graduado em letras - 1 
Serviços gerais feminino - 1 
Representante comercial - 3


FONTE: G1 SANTOS E REGIÃO





POSTAGEM RECOMENDADA:"NÃO MIGRE DE PERUÍBE SE NÃO TIVER UMA OPORTUNIDADE CONCRETA", POSTAGEM ANTIGA E BEM ATUAL



MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, EMPREGOS, DESEMPREGO, VAGAS DE EMPREGO NO PAT / POSTO DE ATENDIMENTO AO TRABALHADOR

quinta-feira, 12 de maio de 2016

DURANTE O AFASTAMENTO, DILMA CONSERVARÁ OS BENEFÍCIOS DA PRESIDÊNCIA. MAS NÃO FOI UM GOLPE? - MAIO DE 2016



Durante o período de afastamento, Dilma Rousseff manterá os benefícios garantidos aos presidentes da república pela Constituição Federal. Terá o mesmo salário e continuará residindo no Palácio da Alvorada, entre outras facilidades. Quero saber que "golpe" a ex-presidente sofreu, para continuar usufruindo de tantos confortos.


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDRO-TOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETEBARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS, CONGRESSO NACIONAL, DILMA AFASTADA DA PRESIDÊNCIA, GOVERNO MICHAEL TEMER, DILMA MANTÊM OS CONFORTOS GARANTIDOS PELO CARGO DE PRESIDENTE, SAÍDA DO PT DO GOVERNO FEDERAL



DILMA FORA DA PRESIDÊNCIA, E A CAMINHO DA INSIGNIFICÂNCIA NA HISTÓRIA ("A TRAVESSIA DO MAR VERMELHO") - MAIO DE 2016



Senado dá aval a processo de impeachment e Dilma é afastada

Foram 55 votos favoráveis pela admissibilidade da abertura do processo


DE A TRIBUNA ON-LINE, DA AGÊNCIA BRASIL


Após quase 21 horas de discussão, o Senado decidiu, por 55 votos favoráveis e 22 contra, pela admissibilidade da abertura do processo de impeachment da presidente da República. O presidente do Senado, Renan Calheiros, não votou. Com a decisão, Dilma ficará afastada de suas atribuições por até 180 dias. O vice Michel Temer (PMDB) deve assumir seu lugar interinamente ainda nesta quinta (12). Ele será a 41ª pessoa a ocupar o cargo de presidente da República.

Comissão Especial

Com a aprovação de hoje, o processo volta para a Comissão Especial do Impeachment. A comissão começará a fase de instrução, coletando provas e ouvindo testemunhas de defesa e acusação sobre o caso. O objetivo será apurar se a presidenta cometeu crime de responsabilidade ao editar decretos com créditos suplementares mesmo após enviar ao Congresso Nacional um projeto de lei para revisão da meta fiscal, alterando a previsão de superávit para déficit.

A comissão também irá apurar se o fato de o governo não ter repassado aos bancos públicos, dentro do prazo previsto, os recursos referentes ao pagamento de programas sociais, com a cobrança de juros por parte das instituições financeiras, caracteriza uma operação de crédito. Em caso positivo, isso também é considerado crime de responsabilidade com punição de perda de mandato.

Um novo parecer, com base nos dados colhidos e na defesa, é elaborado em prazo de 10 dias pela comissão especial. O novo parecer é votado na comissão e, mais uma vez, independentemente do resultado, segue para plenário.

Embora o Senado não tenha prazo para concluir a instrução processual e julgar em definitivo a presidenta, os membros da comissão pretendem retomar os trabalhos logo. A expectativa  do senador Raimundo Lira (PMDB-PB) é que até sexta-feira (13) um rito da nova fase esteja definido, com um cronograma para os próximos passos.

Ele não sabe ainda se os senadores vão se reunir de segunda a sexta-feira, ou em dias específicos e nem se vão incluir na análise do processo outros fatos além dos que foram colocados na denúncia aceita pelo presidente da Câmara dos Deputados. A votação dos requerimentos para oitiva de testemunhas e juntada de documentos aos autos deve começar na próxima semana.

Presidente do STF

Na nova etapa, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, passa a ser o presidente do processo, sendo também a última instância de recursos na Comissão Processante. “O processo volta para a comissão, sendo que a instância máxima será o presidente do STF. Se houver alguma questão de ordem que eu indeferir, o recurso será apresentado a ele. Ele passa a ser o presidente do julgamento do impeachment”, explicou o presidente da comissão, senador Raimundo Lira (PMDB-PB).

Afastamento

Com a abertura do processo no Senado, Dilma Rousseff é afastada do exercício do cargo por até 180 dias. A presidenta poderá apresentar defesa em até 20 dias. O vice-presidente Michel Temer assume o comando do Executivo até o encerramento do processo. A comissão pode interrogar a presidenta, que pode não comparecer ou não responder às perguntas formuladas.

Há a possibilidade de intervenção processual dos denunciantes e do denunciado. Ao fim, defesa e acusação têm prazo de 15 dias para alegações finais escritas.

Depois que a comissão votar o novo parecer, o documento é lido em plenário, publicado no Diário do Senado e, em 48 horas, incluído na ordem do dia e votado pelos senadores. Para iniciar a sessão são necessários mais da metade dos senadores (41 de 81). Para aprovação, o quórum mínimo é de mais da metade dos presentes.

Se o parecer for rejeitado, o processo é arquivado e a presidenta Dilma Rousseff reassume o cargo. Se o parecer for aprovado, o julgamento final é marcado.

A presidente da República e os denunciantes são notificados da decisão (rejeição ou aprovação). Cabe recurso para o presidente do Supremo Tribunal Federal contra deliberações da Comissão Especial em qualquer fase do procedimento.

Decisão final

Na votação final no Senado, os parlamentares votam sim ou não ao questionamento do presidente do STF, que perguntará se Dilma Rousseff cometeu crime de responsabilidade no exercício do mandato.

As partes poderão comparecer pessoalmente ou por intermédio de seus procuradores à votação. Para iniciar a sessão é necessário quórum de 41 dos 81 senadores. Para aprovar o impeachment é preciso maioria qualificada (dois terços dos senadores), o que equivale a 54 dos 81 possíveis votos.

Se for absolvida, Dilma Rousseff volta ao cargo e dá continuidade à sua gestão. Se for condenada, Dilma é destituída e fica inabilitada para exercer função pública por oito anos. Michel Temer, então, assume a presidência do país até o final do mandato.



FONTE: A TRIBUNA



COMENTÁRIO: Dilma foi afastada da presidência, e está destinada a se tornar um grão de poeira na história do Brasil. É o fim de uma etapa, mas não o fim de uma luta, que fique bem claro. Mas comparo a SAÍDA DO PT DA PRESIDÊNCIA como a travessia do povo hebreu pelo mar vermelho. Parecia impossível, mas o mar se abriu, permitiu a travessia dos patriotas ... e tragou o "exército" de um governo fracassado. 






A TRAVESSIA DOS HEBREUS





A DERROTA DE RAMSÉS


Eu avisei, Dilma. Teimar que nem o Ramsés nunca teve grande futuro para ti. E adeus pra sempre.



POSTAGENS DAS DEZ PRAGAS: 

O GOVERNO DILMA ACABOU? ("A PRIMEIRA PRAGA)

O FRACASSO DO GOVERNO DILMA LEVA O BRASIL DA RECESSÃO À DEPRESSÃO (A "SEGUNDA PRAGA")

A PETROBRÁS VERSUS O CHOQUE DE REALIDADE ("A TERCEIRA PRAGA")

O TARDIO PACOTE DO GOVERNO DILMA E O ZICA VÍRUS ("A QUARTA PRAGA")

NESTE INÍCIO DE ANO, O DESEMPREGO NO BRASIL JÁ AFETA MAIS DE 9 MILHÕES DE PESSOAS ( "A QUINTA PRAGA")

OS FATOS QUE ESTÃO NA CARA ATÉ DE QUEM NÃO QUER VÊ-LOS ("A SEXTA PRAGA")

LULA ENTRA NA RETA FINAL, E DILMA AGUARDA PELO DIA 13 / TREZE DE MARÇO ( "A SÉTIMA PRAGA")

LULA ENTRA NA RETA FINAL, E DILMA AGUARDA PELO DIA 13 / TREZE DE MARÇO ( "A SÉTIMA PRAGA")

DILMA, OLHA PELA JANELA, POIS MAIS UMA PRAGA CHEGOU! ("A OITAVA PRAGA")

COM O PMDB FORA DO GOVERNO DILMA, O IMPEACHMENT SE TORNA MAIS PRÓXIMO ("A NONA PRAGA")

POR 342 VOTOS A FAVOR VERSUS 133 VOTOS CONTRA, O PROCESSO DA DILMA SEGUIRÁ PARA O SENADO ("A DÉCIMA PRAGA")


MARCADORES: DILMA EX-PRESIDENTE, IMPEACHMENT DA DILMA, VOTAÇÃO NO SENADO, SAÍDA DO PT DO PODER, NOVELA OS DEZ MANDAMENTOS, TRAVESSIA DO MAR VERMELHO, JUIZ MORO É O MEU MOISÉS, AS PRAGAS DO EGITO, OITAVA PRAGA OS GAFANHOTOS NOVELA OS DEZ MANDAMENTOS, RAMSÉS DERROTADO, DILMA DERROTADA, PERUÍBE, PERUIBENSE, VALE DO RIBEIRA, VALERIBEIRENSE, ANA DIAS, ITARIRI, ITARIRIENSE, PEDRO DE TOLEDO, PEDROTOLEDENSE, MIRACATU, MIRACATUENSE, JUQUIÁ, JUQUIAENSE, REGISTRO, REGISTRENSE, IGUAPE, IGUAPENSE, ILHA COMPRIDA, ILHACOMPRIDENSE, SETE BARRAS, SETEBARRENSE, PARIQUERA-AÇU, PARIQUERENSE, JACUPIRANGA, JACUPIRANGUENSE, CANANÉIA, CANANIENSE, BARRA DO TURVO, BARRA-TURVENSE, CAJATI, CAJATIENSE, IPORANGA, IPORANGUENSE, ELDORADO, ELDORAENSE, BARRA DO CHAPÉU, BARRENSE, SANTOS, BAIXADA SANTISTA, LITORAL PAULISTA, ESTADO DE SÃO PAULO, CURITIBA, PARANÁ, LITORAL PARANAENSE, BRASIL, BRASILEIROS

quarta-feira, 11 de maio de 2016

terça-feira, 10 de maio de 2016

PREFEITURA CANCELA PROVA EM PERUÍBE POR ERRO EM GABARITO - MAIO DE 2016






Mais de 500 candidatos deverão participar do exame novamente 

NATHÁLIA DE ALCANTARA


 A Prefeitura de Peruíbe cancelou os exames feitos por 558 candidatos aos cargos de auxiliar de saúde bucal, mecânico, agente operacional e professor PEB II-Arte, PEB II-DM, PEB II-DV. Eles terão de fazer novas provas no dia 22, um domingo. O local do teste será definido até o dia 16.

Hoje é o último dia para os candidatos aos demais cargos entrarem com recurso contra as provas. Ao todo, eram 4.362 inscritos. Basta acessar o www.mouramelo.com.br.

O exame, que oferece 161 postos de trabalho, foi marcado por polêmicas. Candidatos reclamaram de que o gabarito oficial a ser preenchido tinha número de alternativas inferior ao que constava nas provas. Ou seja, a prova tinha as alternativas A, B, C, D e E. No gabarito, no entanto, as opções eram apenas A, B, C e D.

Segundo a Prefeitura de Peruíbe, o acontecimento foi pontual e só no período da tarde, na Escola Ottoniel Junqueira. “A prefeita (Ana Maria Preto, PTB) determinou à comissão do concurso a realização de uma nova prova referente ao concurso 01/2016”, informou, por meio de nota.

Resposta

Segundo o proprietário da Moura Melo Concursos, José Fábio Moura Melo, o problema foi contornado o mais rapidamente possível.

“O problema foi observado e, passada uma hora, demos para os candidatos o gabarito de cinco respostas, que era o correto. Esse tipo de coisa pode acontecer, apesar de que não deveria”.

Em outra situação, a juíza da 1ª Vara da Comarca de Peruíbe, Christiene Avelar Barros Cobra, concedera liminar suspendendo a nomeação dos candidatos aprovados.



FONTE: A TRIBUNA


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, CONCURSO PÚBLICO, ANULAÇÃO DE PROVAS


segunda-feira, 9 de maio de 2016

ALGUMAS DAS PROVAS DO CONCURSO PÚBLICO DE PERUÍBE FORAM ANULADAS - MAIO DE 2016




CONCURSO DE PERUÍBE É ANULADO APÓS POLÊMICA COM ERRO EM GABARITO

Prefeita considerou falta de habilidade de comissão para lidar com o caso.

Avaliação aplicada no último domingo já tem nova data para acontecer.

A prefeitura de Peruíbe, no litoral de São Paulo, divulgou nesta segunda-feira (9) que decidiu anular as provas do concurso público ‘01/2016’ apenas para os cargos de agente operacional, auxiliar de saúde bucal, mecânico, professor de arte e de educação especial, realizadas no último domingo (8). Logo após a realização da prova candidatos reclamaram que o gabarito oficial a ser preenchido tinha o número de alternativas (letras) inferior ao que constava nas provas.

O edital de anulação assinado pela prefeita Ana Preto (PTB) e divulgado no site do Instituto Moura Melo, responsável por aplicar a prova, considerou a “falta de habilidade dos coordenadores da realização das provas na escola professor Ottoniel Junqueira, que não conseguiram dar pronto atendimento à solução da situação”.

O documento aponta ainda o que já havia sido relatado ao G1 por alguns candidatos, de que a Comissão do Concurso só foi acionada quando a situação já estava “fora dos limites de tolerância e controle”. Uma professora que preferiu não se identificar contou que houve gritaria e confusão com o erro no gabarito oficial. A ficha apresentava alternativas da letra A até a D, sendo que a prova tinha alternativas da letra A até a E.

"O jeito que eles encontraram foi dar um outro sem identificação oficial do Instituto Moura Melo (responsável pela prova). Tivemos que escrever nosso nome e inscrição tudo a mão, mesmo assim parece marmelada. É ridículo. Lá fora teve confusão e muita gritaria porque ninguém estava aceitando isso", reclamou uma candidata

Remarcada

Para justificar a anulação do concurso para os cargos de agente operacional, auxiliar de saúde bucal, mecânico, PEBII- Arte, PEBII – educação especial D.M. e PEBII- educação especial DV., a prefeitura considerou que houve prejuízo para todos os candidatos que fizeram a prova naquela unidade de ensino. A data da nova avaliação foi marcada para o dia 22 de maio deste ano, em local e horário ainda não divulgados. "Eventuais prejuízos decorrentes da presente medida deverão ser suportados pela Empresa Moura Melo Concursos, e assim requeridas à mesma, independentemente da aplicação de eventuais sanções administrativas, que serão objeto de análise após o encerramento do Concurso 01/2016", acrescentou a prefeita.



FONTE: G1 SANTOS


MARCADORES: PERUÍBE, PERUIBENSE, PROVAS NO DOMINGO DIA DAS MÃES, CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL, PROVAS DO CONCURSO ANULADAS